O que É o CloudFlare e como Funciona

O que É o CloudFlare e como Funciona



Quando se cria um site profissional, existem sempre preocupações relacionadas com o desempenho e a segurança do mesmo. Existem muitas ferramentas online que o podem ajudar nesse sentido, contudo, nem todas são tão eficazes como o CloudFlare, uma rede de entrega de conteúdo.

Qualquer pessoa que tenha um site e quer melhorar o desempenho do mesmo e a sua segurança pode usar este serviço, independentemente do seu tipo de site ou software que usou para o criar. Isto quer dizer que, mesmo que tenha um blog em WordPress, um site de e-commerce, um site pessoal ou mesmo um site empresarial, você pode tirar partido deste serviço.

Mas vamos por partes, para nos certificarmos que você tem uma visão compreensiva sobre o que é o CloudFlare, como funciona, como instalar e, naturalmente, quais são as principais vantagens associadas à utilização do mesmo.

O que é o CloudFlare?

Se você ainda não está familiarizado com o CloudFlare, trata-se de um serviço gratuito que permite otimizar a velocidade do seu site, bem como a sua segurança, servindo como uma ponte entre os seus visitantes e os servidores em que o seu site está hospedado. O serviço tem várias funcionalidades e opções ao dispor dos usuários, protegendo-os de visitantes maliciosos, poupando largura de banda, reduzindo o tempo de carregamento das páginas, entre outros benefícios associados à utilização do mesmo.

Como é que o ClouldFlare funciona?

Como sugerimos, este serviço tem como intuito proteger e acelerar o seu site. No que concerne ao seu funcionamento, assim que o seu site estiver devidamente integrado, o tráfego será guiado pela rede de entrega de conteúdo inteligente do CloudFlare.

O serviço otimiza, de forma automática, a entrega das suas páginas web, para melhorar a velocidade de carregamento das páginas e o desempenho geral do site. Além do mais, bloqueia e limita bots e crawlers de desperdiçarem a sua largura de banda, bem como recursos valiosos do servidor. E, para usufruir de serviço, o usuário apenas tem de se registar na sua plataforma online, submeter o seu URL e, por fim, alterar os nomes dos servidores.

Confuso? Não se procupe, vamos explicar-lhe abaixo como é que funciona o processo de instalação, para que você possa também beneficar de todas as potencialidades deste serviço.

Como instalar o CloudFlare no seu site

O processo de instalação é, na realidade, muito fácil, sendo uma das razões para a grande popularidade que o serviço tem na atualidade. Nesse sentido, para o instalar adequadamente, você deverá:

Registar-se na plataforma

Para usufruir dos recursos deste serviço, tem naturalmente de se registar na sua plataforma online, acendendo ao site e clicando no botão existente para o efeito no canto superior direito do mesmo. O processo de registo é bastante simples, sendo que apenas tem de indicar o seu e-mail, bem como a sua senha.

Submeter o URL do seu site

Após efetuar o seu registo, poderá entrar na sua conta e submeter o URL do seu site. Nesse âmbito, deverá inserir o mesmo no campo existente para o efeito e, de seguida, clicar em “Begin scan”. Isto permitirá ao serviço fazer um scan aos registos de DNS, numa operação que leva aproximadamente 60 segundos. De seguida ser-lhe-á apresentado uma lista com os registos de DNS encontrados. Selecione um plano que vá de encontro ao que precisa e, posteriormente, clique em “Process and continue”.

Alterar os seus nameservers

No passo seguinte, deverá anotar ou copiar os nomes dos servidores do CloudFlare, uma vez que irá necessitar dos mesmos para completar o processo. Normalmente, são facultados a você dois nameservers. De seguida, basta que você vá à sua conta de hospedagem atual e altere os nameservers atuais, substituindo-os pelos que você anotou ou copiou anteriormente.

Pode levar até 72 horas para a informação do seus nameservers propagar. De qualquer modo, você irá receber um e-mail de confirmação quando esta atualização estiver finalizada. Deve-se acrescentar que o seu site não irá experienciar qualquer tipo de downtime durante este processo.

As vantagens de usar o CloudFlare

Se ainda tem dúvidas em usar o CloudFlare, saiba que a sua utilização pode, na verdade, acarretar várias vantagens para o seu site, entre as quais podemos destacar:

Aumento da segurança

Se você se preocupa com a segurança do seu site, este serviço poderá também aumentar a segurança do mesmo, ajudando-lhe a proteger o site de vários problemas como os típicos comentários de spam, injeção de SQL, entre vários outros. Isto é feito de forma automática e irá parar a maior parte dos ataques sem as habituais confusas configurações que encontramos noutras ferramentas de segurança. Você pode colocar o seu nível de segurança em alto, médio, baixo ou mesmo desligado.

Facilidade de configuração

Uma das principais vantagens associadas à utilização deste serviço é que o mesmo é bastante fácil de instalar e configurar, pelo que pode ser praticamente utilizado por qualquer usuário. Na plataforma online do serviço, poderá inclusive visualizar todos os passos que deve dar, através de um tutorial em vídeo, que explicar-lhe-á tudo o que precisa passo a passo.

Melhoria do desempenho

Mesmo que já tenha um plano de hospedagem de qualidade e, claro, rápido, mesmo assim você pode beneficiar da utilização deste serviço. Isto acontece porque ele permite melhorar significativamente o desempenho de um site através da sua CDN (content delivery network) global.

Pacote básico gratuito

Embora o serviço tenha várias opções ao seu dispor que são pagas, o serviço básico, que irá satisfazer a maior parte dos clientes, é totalmente gratuito. Mais tarde, se quiser, poderá sempre fazer um upgrade, para passar a beneficiar de outros serviços adicionais disponibilizados por esta ferramenta.

E você? Já está a usar o CloudFlare no seu site? Criar um site atualmente requer que você tenha também em consideração aspetos como a velocidade e a segurança, pois estes decerto ajudar-lhe-ão em termos de posicionamento nos motores de busca, além de melhorarem significativamente a experiência do usuário enquanto este estiver a navegar no seu site.


Partilhe esta publicação

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.