Como Tirar Partido do E-mail Marketing

Como Tirar Partido do E-mail Marketing



Atualmente, a maior parte das ações de marketing devem passar não apenas pelos canais tradicionais, mas também pelos novos canais, eletrónicos, de forma a chegar a um público-alvo muito mais abrangente e diversificado. É precisamente nesse último que encontramos o e-mail marketing.

O e-mail é, sem dúvida, uma das formas de comunicação mais populares em todo o mundo. Para ter uma ideia, em 2010, estimava-se que 2.8 milhões de e-mails eram enviados todos os segundos, por todo o mundo. Os números são, realmente, significativos, pelo que não deve descurar este canal nos seus esforços de marketing.

É certo que muitos projetos ainda não recorrem a esta forma de marketing por não saberem propriamente em que assenta, quais são as suas vantagens ou sequer como tirar partido da mesma, todavia, é indubitável que o e-mail marketing pode ser extremamente proveitoso quer para pequenos negócios, quer para grandes negócios.

O e-mail marketing e os seus diferentes tipos

Se não está familiarizado com o e-mail marketing, trata-se de uma forma de distribuição de mensagens publicitárias através do uso do e-mail. Se quisermos, podemos dividir esta forma de marketing em três tipos distintos, nomeadamente:

E-mails diretos

Trata-se dos e-mails que são enviados aos consumidores/clientes, para os informar de novos produtos, vendas, bem como de quaisquer potenciais ofertas especiais. É também uma das melhores formas de aumentar os rácios de conversão, na medida em que estes e-mails normalmente, contêm um link para que as pessoas possam aceder ao produto ou serviço que é referido no e-mail.

E-mails transacionais

No âmbito da automação, encontramos os e-mails transacionais, os quais são enviados após determinadas ações por parte dos clientes. Por exemplo, quando um cliente compra um produto ou serviço, um e-mail é enviado para confirmar esta mesma transação. Trata-se, por um lado, de uma forma de provar que algo foi efetivamente comprado e, por outro lado, de uma forma de incluir outras mensagens de venda.

Newsletters

São e-mails enviados com frequência a uma lista de pessoas que subscreveram a sua newsletter através de um formulário existente para o efeito no seu site. Ao contrário dos e-mails diretos, a newsletter, geralmente, não promove uma mensagem publicitária ou de vendas tão forte. O seu intuito passa essencialmente por promover uma relação mais próxima entre as partes, isto é, entre empresa/marca e consumidor. Podem conter notícias, bem como qualquer outra informação passível de interessar ao cliente.

Vantagens do e-mail marketing

Recorrer ao e-mail marketing para potenciar a sua mensagem publicitária pode ter diversas vantagens para o seu negócio. Vejamos abaixo as mais importantes:

Acesso a estatísticas da campanha

Na verdade, pode não existir melhor canal de marketing do que o e-mail para retirar conclusões sobre a eficácia da sua campanha. Existem várias plataformas online que permitem-lhe rastrear a sua campanha, de forma a, por exemplo, analisar quantas pessoas abriram um determinado e-mail, quantas pessoas clicaram no link que constava no mesmo, qual o link que foi efetivamente clicado, entre várias outras informações úteis.

Elevada taxa de retorno

Uma das principais vantagens é a elevada taxa de ROI (return on investment), isto é, do retorno sobre o investimento. Isto porque não existem custos associados à impressão de materiais, ao envio de cartas pelo correio convencional, ou pagamento de quaisquer taxas, salvo o preço do serviço que utilizar.

Poupança de tempo e recursos

Atualmente, existem ferramentas de automação de marketing que lhe permitem gerir eficazmente a sua campanha, possibilitando que controle o seu tempo ou o dos seus funcionários, para que se concentrem em outras tarefas, como no seu conteúdo.

Promoção de contactos frequentes

Outra das vantagens do e-mail é que criar e enviar uma campanha através desta forma é bem mais fácil do que distribuir a mesma por outros canais. Isto permite-lhe também promover o contacto com os seus clientes de uma forma mais frequente.

Redução de seus custos

Uma campanha distribuída pelo correio, rádio ou televisão implica que você tenha um orçamento avultado para despender nas suas ações de marketing, especialmente no último caso. Contudo, ao recorrer às potencialidades do e-mail, poderá começar a criar e a distribuir eletronicamente as suas campanhas gastando pouco dinheiro ou mesmo nenhum.

Segmentação dos contactos

Através do e-mail marketing e de um bom serviço de gestão, cujos exemplos pode ver mais abaixo, é possível segmentar os seus contactos. Isto permite que você possa enviar certas campanhas somente para certos clientes, de forma a fomentar a personalização e, claro, a sua taxa de conversão.

Como tirar partido do e-mail marketing

Para tirar partido de todas as potencialidades associadas ao e-mail marketing, deverá começar por criar a sua lista de e-mails. Isto porque, de nada serve recorrer a um serviço especializado de e-mail marketing para distribuir uma determinada campanha se, na verdade, ainda não angariou quaisquer contactos.

Por isso mesmo, deverá integrar no seu site uma ferramenta que lhe permita colher endereços eletrónicos. Isto, geralmente, é possível recorrendo a formulários concebidos para esse efeito, os quais têm como objetivo que as pessoas, e potenciais clientes, subscrevam a sua newsletter, submetendo o e-mail.

Existem vários serviços que lhe permitem distribuir as suas campanhas de e-mail e, em simultâneo, aceder a ferramentas para angariar e-mails no seu site. Entre estes principais serviços, encontramos a Aweber e o MailChimp, dois dos melhores exemplos que tem ao seu dispor, que são amplamente utilizados por inúmeros projetos em todo o mundo.

Após angariar os e-mails e ter um serviço de distribuição, como os supracitados, apenas tem de começar a criar campanhas, para tirar efetivamente partido do e-mail marketing e, por conseguinte, usufruir de todos os proveitos associados a uma campanha de marketing eficaz.

Naturalmente, quer para criar a sua lista de contactos, quer para posteriormente poder reencaminhar adequadamente os seus potenciais clientes para o seu site, através de uma campanha afim, precisa naturalmente de o ter já criado. Por isso, caso ainda não o tenha feito, poderá desde já criar aqui, no Site Fácil, o seu projeto online e, concomitantemente, as bases que necessita para criar, gerir e distribuir campanhas de e-mail marketing realmente eficazes.


Partilhe esta publicação

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.