Psicologia das cores: descubra o significado de cada cor e como usá-las para aumentar as vendas

Psicologia das cores: descubra o significado de cada cor e como usá-las para aumentar as vendas



Alguma vez pensou em recorrer à psicologia das cores nas suas ações de marketing ou no espaço físico da sua empresa para promover e aumentar as suas vendas? Se ainda não, poderá estar a perder vendas e terreno para a sua concorrência, especialmente se estiver a operar numa indústria competitiva.

Para quem trabalha na indústria do marketing e design, a psicologia das cores não é certamente nenhuma novidade. Isto porque, normalmente, estas pessoas estão familiarizadas com o papel que as cores têm no desempenho e sucesso de uma campanha de marketing, o que se reflete invariavelmente nas vendas de uma empresa, quer seja de produtos, quer seja de serviços.

Certas cores funcionam como um “gatilho” ou pistas visuais, ativando emoções nos clientes, mudando os seus comportamentos e, em simultâneo, consciencializando-os sobre um produto, serviço ou marca, o que, em última instância, pode inclusive levar os mesmos a fazerem uma ação: a compra.

Psicologia das cores – As melhores cores para aumentar as vendas

Quer você esteja a trabalhar numa campanha de marketing, quer esteja apenas à procura da melhor cor para pintar o escritório da empresa ou loja, as cores que você escolher podem ajudar-lhe a atingir mais facilmente os seus objetivos e, por conseguinte, os resultados que almeja.

Isto porque as cores não só têm a capacidade de tornar os seus colaboradores mais produtivos, como também podem encorajar os seus clientes a gastarem dinheiro quando virem os seus materiais de marketing ou visitarem o seu espaço físico.

Mas, para tal, é fundamental perceber as bases da psicologia das cores, as que têm mais potencial e, claro, quais são as emoções que tais cores podem despoletar. Vejamos as cores que deve ter em consideração.

Amarelo

O amarelo é uma cor com potencial, otimista, que pode ser até bastante poderosa, para captar a atenção da audiência. Todavia, é também uma cor que requer alguns cuidados e sensatez no seu uso. Isto porque não agrada às massas e é a cor predileta de poucas pessoas. Por isso, se estiver a pensar pintar as paredes do seu escritório de amarelo, pense de novo.

Azul

Quando perguntamos às pessoas qual é a sua cor favorita, uma grande parte responde que é azul. Por isso, o azul é uma das melhores cores que as empresas podem usar, pois incute confiança, o que é muito importante no ramo empresarial. Para se obter os melhores resultados, o azul poderá ser conjugado com outras cores.

Laranja

O laranja é uma cor vibrante, energética e jovial. Depois, é uma cor que rapidamente capta a atenção das pessoas, o que é ótimo numa perspetiva empresarial. Não descurar também que, como é uma cor divertida e empolgante, pode fazer com que os clientes pensem que estão a lidar com uma empresa inovadora. Muitas empresas acabam por tentar incorporar o laranja nas suas marcas devido ao (bom) valor que pode representar para as mesmas.

Preto

A par do verde, o preto é também uma cor versátil. Isto porque tanto pode ser moderna, como clássica, não passando de moda. Pode ser usada como uma cor de contraste. É frequentemente usada em materiais de marketing devido ao seu aspeto lustroso e poderoso, especialmente para publicitar produtos de luxo.

Verde

O verde é, sem dúvida, uma das cores mais versáteis que tem à sua disposição. Por um lado, é uma cor calorosa e convidativa, o que permite despoletar o bem-estar nos clientes. E, por outro lado, é uma cor que tem afinidades com temas como o ambiente, a saúde e, claro, o dinheiro, podendo também, por isso, promover pensamentos de riqueza. Depois, existem pesquisas que sugerem que o verde pode, inclusive, fomentar o lado criativo dos colaboradores, tornando-os mais produtivos.

Vermelho

Vista por muitos como a cor do “poder”, o vermelho é uma das cores mais populares para utilização no âmbito do marketing. Isto porque é uma cor que é capaz de agarrar a atenção das pessoas, criando um sentido de urgência e excitação. Contudo, como é uma cor que de destaca das demais, é importante certificar-se que não comete excessos no seu uso para otimizar os resultados obtidos.

Rosa

Está à procura de alcançar e cativar um público-alvo jovem e feminino? Então, a utilização do cor de rosa poderá ser essencial para o conseguir. Além de ser uma cor tipicamente feminina, romântica, tenha em consideração que é também uma cor divertida. Por outro lado, quando usada para decoração de um espaço, pode ter também um efeito relaxante, o que é ótimo para relaxar tantos os colaboradores, como os clientes.

Roxo

Muitas pessoas associam o roxo à realeza. Por isso mesmo, a aplicação desta cor aos seus materiais de marketing poderá permitir incutir alguma elegância e prestígio aos mesmos. Mas, além disso, o roxo é uma cor que surge recorrentemente ligada a sofisticação, glamour, charme e suavidade. A par do rosa, é também uma cor predominantemente feminina. Por isso mesmo, é frequentemente utilizado em produtos de beleza e antienvelhecimento.

Agora que conhece um pouco mais sobre a psicologia das cores e as que deve usar nos seus projetos, é importante não esquecer uma das vantagens das cores. É que, independentemente da cor que você escolher, quer para uma campanha, quer para pintar um local, pode sempre mudar essa cor mais tarde, com a regularidade que quiser. Em todo o caso, antes de usar uma cor, pense sempre em como você quer que os clientes e pessoas se sintam e que tipo de comportamento quer que eles tenham. Apesar de as cores não garantirem o aumento da produtividade ou vendas por si só, podem certamente ajudar.


Partilhe esta publicação

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.